sábado, 27 de setembro de 2008

... encolho




 
... encolho
 

O frio se escondeu nos meus olhos.
A noite passa assobiando navalhas de vento.
Um buraco cresceu no meu peito,
me completa um doloroso vazio...



Nenhum comentário:

Postar um comentário